terça-feira, 11 de dezembro de 2007




Das palavras desconhecidas. Do processo criativo. Das mudanças possíveis e necessárias, ou não. Nas diferenças descobrimos a nós e descobrimos o outro. Amadurecemos. Respeitar o outro nas diferenças não é fácil. Tentar acertar. Ceder espaço. Seguir em frente. Descobrir na diferença do outro, valores e significados e acrescentar esses valores a nós. Isto é experiência, isto é vivência. Que os momento acrescente na sua vida, nas suas relações, como vai acrescentar na minha.




Um comentário:

MAO disse...

então, um viva a vivência!!!

Beijos