quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008


Nossas mãos
foto Caureb (filha de Rosemar)
MEU ONTEM - FOI REAL

Quarta-feira a tarde. Shopping Paço Alfândega. (ao lado foto do Paço e no cantinho de fotos tem foto do teto e do chão, são diferente)
Desde terça-feira estou inquieta. A minha inquietação me move. E esse estado me leva a querer fazer algo diferente.
Fui almoçar na casa da minha mãe e ela comentou de um encontro com um amigo escritor e blogueiro (três blogs e não consegue acessar nenhum, vou tentar ajudar), ela também escritora e blogueira, para conhecerem Rosemar, escritora e blogueira.
Sai dali a pensar que era um bom motivo para não ir trabalhar. Liguei para o chefe, e dei uma satisfação.
Segui para o encontro. Surpresa para os três.
Rosemar tem um blog partilhado, assim ela chama, onde 45 pessoas escrevem para ele e tem um fotolog. Faz uns dois meses que me convidou a participar, fiquei de pensar e não dei resposta. Hoje ela cobrou essa participação. Ficou de me ajudar a selecionar alguns escritos para colocar nesse blog partilhado. Também quer postar algumas fotos no fotolog.
Encontro descontraído. Maravilhoso. Com troca de conhecimentos, presentes e experiências com blogs.

Assim vou tentando fazer os meus dias diferentes. E a vida.


E-mail recebido ontem, às 21h20

Oi Paula!

que idéia genial vc ter ido também...
Fiquei muito feliz pela tarde de hoje e mais ainda por vc aceitar fazer parte do nosso grupo...
Senti vc muito atenta a detalhes e isso traduz um "jeito de ser" de alguém que sabe traduzir sentimentos de modalidades variadas...
A idéia das mãos foi fantástica!!!!!!!!
e mais ainda vc ter colocado as suas junto das nossas...
...
Assim que fizer a relação de seus textos, lhe envio para vc deferir ou indeferir :-)
abraço Paula e sucesso em seus blogs...

Rosemar



Essa frase veio no e-mail. Achei muito interessante. Reflete o meu momento.


“Como é vão sentar-se para escrever sem se levantar para viver.”

HENRY DAVID THOREAU



17 comentários:

Professor Sergio disse...

Paulinha, bom dia! tem um selo para vc no meu blog. Agora fiquei em dúvida se é o mesmo do seu post do dia 26/02. Mas o que vale é a intenção tá...bj...depois voltarei para ler e comentar seu post! ótima noite, durma com os anjos e que Deus te proteja, sempre!

Nemuro disse...

This comment has been removed because it linked to malicious content. Learn more.

Layla Lauar disse...

Oi Querida

Desculpe a minha ausência de ontem, eu li seu post, pensei até que o tinha comentado, mas acho que cliquei em vizualizar apenas e não publicar. Então amiga, se jogue, participe do blog, certeza que vai ser uma das mais lidas.

beijos

Professor Sergio disse...

Que interessante Paulinha, percebo que o estilo que você utiliza para escrever o cotidiano assemelha-e ao meu. Contar sobre o dia no trabalho, em casa ou em momento de lazer é muito bom e isso, senti no seu post de hoje. Você não faltou ao trabalho, você fez uma "capacitação" externa para que sua produtividade aumentasse ou melhorasse a partir de hoje. São momentos importantes que nossas almas necessitam para um momento de reflexão. Sair da rotina, do cotidiano é bom, para avaliarmos o grau ou nível de stress que estamos e não isolarmos do restante do mundo. Como você mesmo diz: viver o virtual é maravilhoso, mas o real é necessário. Abraço e uma ótima quinta para você....olha, viajar até Recife para ler suas histórias é mais que um prazer, um contato diário e necessário para restabelecer as energias para um dia melhor. "ainda estou no meu apartamento, da minha janela visualizo o sol enviando suas energias, bom saber que esses meios raios você está recebendo tb neste exato momento e através do sol, somo e encaminho minhas energias para você, para que possa ter um dia com muita paz, carinho e amizade!" carinhoso abraço

Proibido disse...

Oi, Paula. Vim te agradecer pelos comentários no meu blog. Talvez eu tenha demorado muito, mas é que tenho tido pouquíssimo tempo pra curtir blogs amigos. Nem aqueles que digo que leio eu tenho visitado.
Eu já havia vindo no seu algumas vezes. Vi várias de suas maravilhosas fotos e gostei muito desse espaço. Parabéns.
Não acho seu email. Que tal me mandar um? Beijão e sucesso.

bruxinha disse...

Paula, sua forma de escrever cativa qualquer leitor. Este cotidiano seu está maravilhoso! bjs mágicos na alma.

Chuvinha disse...

Buscar novos caminhos, tentar o diferente é se redescobrir. Somos capazes de reinventar nosso dia-a-dia, mas no limitamos a fazê-lo sempre iguais.

MH disse...

Escrever é bom demais.
Escrever sobre o que a gente vive é melhor ainda.
Ecrever sobre as coisas da vida, da nossa vida, da vida dos outros.
Por isso essa frase do THOREAU é perfeita...vamos levanta e viver...viver para escrever.

Alisson da Hora disse...

=D

Paula Calixto disse...

Primeiro: NÃO CLIQUE NAQUELE LINK DO TAL DE "nemuro" E NEM NO NOME DELE!
É VÍRUS!!!!!!!!!!!!!!!! Já foi trocentas vezes mandar este tipo de isca no meu blogue e eu apago e excluo para toda eternidade! (; Por isso, te falei das letrinhas famigeradas e a função delas. (;

_______________

O meu coment:

PoiZé... As pessoas muitas vezes pensam que só tem um caminho, uma vocação e se esquecem do seu potencial de ser-humano: LEQUER ABERTO!

Tempo é o que a gente mais tem na Vida [esse alucinante e glorioso paradoxo]! Então, aproveitemos explorando ao máximos nossas possibilidades. (((:

Luz, inspiração e sucesso.

Beijos, flor.

Ricardo Rayol disse...

45 co-autores? credo.

Betho Sides disse...

Pauliha! Que tarde hem? Novos conhecimentos sempre acrescentam em nossas vidas, e esse somar fazem-nos pessoas melhores, cabeças atentas e vida feliz. Abçs menina!

Anônimo disse...

Paula, um abraço. Foi boa a idéia do "coração e mãos". Existe aí um pacto de amizade. Amizade sincera selada numa mesa, embora não redonda. De mosqueteiros a blogueiros o laço de comprometimento foi renovado no ritual.
Gostei também dos outros textos que você escreveu. O da viagem virtual nos impulsiona cada vez mais a aumentarmos o número de amigos na Internet. Torna-se fácil viajar sem se preocupar com o tempo. A qualquer hora, a qualquer instante poderemos viajar e se tiver sorte, conversar com quem nos trás prazer, com quem nos ajuda a sair da solidão, "mal incurável do ser humano". Continue escrevendo e viajando. Garanto que ao ler seus textos viajarei junto. O amigo, Saulo

Marcus Vinicius disse...

q bom q vc gosta doq eu escrevo!
eu axo q eh pq eu escrevo com amor!
por isso q sai do jeito q vc gosta!!
uma abraçoo

Codinome Beija-Flor disse...

Ah! delícia ler o que vc escreve.
Bj

** AH! quero te indicar um blog, é novinho, novinho, cheio de artes e grandes histórias, vai ser muito bom sua presença lá, e tenho certeza que vai gostar, bjos.
http://blogdodudusantos.blogspot.com/

Codinome Beija-Flor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Adri - Dri - Drika disse...

Olá é muito bom conhecer gnt nova e compartilhar conhecimento ;)