quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008







Domingo, churrasco na granja. Uma criança de cinco anos chateada. Estava com medo do peru. Por que ninguém me disse que tinha um peru? Questionava ela.Porque ninguém sabia.
Ah! – pensativa. Tá..... Mas estou com medo. Tentou-se argumentar que o peru, é parecido com galinha, que não faz medo, e essas bobagens que adultos tentam dizer nessas horas.
Mas eu tenho medo do peru. Silêncio. Sem saber o que dizer. Achando que encontraria uma alternativa.Você viu que tem um pé de limão? Está cheio de limão. E ninguém lhe disse.
Vi. Mas não tenho medo de pé de limão. Simples, simples. Acho é pouco, era melhor ter ficado calada. Todo cuidado é pouco com esse ser chamado criança. Fiquei em silêncio. Pensando. Olhando peru, pé de limão, peru, pé de limão.......É assim comigo também. Tem coisas que não tenho medo e elas não me assustam, por pior que possam parecer aos olhos dos outros. Mas tem outras que me assustam! E para essas não tem argumento, entendimento, explicação. Apenas tenho medo.





15 comentários:

Chuvinha disse...

E o medo que nos torna corajosos portanto e imprescindivel que ele exista. Obrigada pelo selo minha querida!

sergio disse...

Obrigada pelo selo amiga...adorei/ Concordo contigo sobre as letrinhas, mais atrapalham do que ajudam! e sobre o peru e o limão...adorei...dê valor ao seu cotidiano e perceberás que viver vale a pena...e como...bj Paulinha, boa noite!

Layla Lauar disse...

Também tenho medos inexplicáveis e alguma, ou quase nenhuma, coragem para enfrentá-los.

Adorei o post.

Obrigada querida pelo selo, que não mereço, mas agradeço da mesma forma.

Beijos todos e + um

Milady disse...

Ah esses medos que n�o se explicam, nem se qualificam... numa �poca eu tive medo do escuro, ainda tenho medo de altura... Mas sabe que de vez em quando eu vou no parque de divers�es pra ir na montanha russa, s� pra afrontar esse medo... dizer pra ele que quem manda sou eu...

experi�ncia muito doida!

beijo

Vilma disse...

Olá, passei por aqui pra retribuir a visita e gostei muito do seu blog. o medo é medo e pronto não se explica e não dá pra dimensionar o outro que não tem medo, não consegue sentir, temos medos diferentes, mas com certeza de alguma coisa todos um dia tivemos ou teremos medo, e não adianta fingir que não existe pois o medo vem de dentro pra fora. Bjs e ate breve

Alisson da Hora disse...

Obrigado pelo selo!Saiba que a minha admiração é recíproca, tenho você em conta como uma das pessoas mais fantásticas que eu já conheci, saiba disso... Medo... eu tinha um medo terrível de bodes quando pequeno, afora os outros, mas deixa isso pra lá...

beijo

a.h.

Betho Sides disse...

Normal o medo, se não tivermos...estamos mortos!Pensei que vc tinha medo de "Peru"abçs bfs.

MH disse...

Tem preminho pra você no meu blog.
: )

Paula Calixto disse...

Parabéns pelo prêmio!

_____________

Valeu a dica de onde comprar bons livros!

__________________

As letrinhas podem servir para impedir que, criaturas maldosas, como a que foi ao meu blogue, poste algum tipo de isca para invadir o pc de alguém. O meu foi invadido e o SO denificado. Pense nisso, flor. (;

________________

Finalmente, o coment:

Crianças são chaves! Mas nem sempre abrem-se portas que dão em "lugares" agradáveis. O mais interessante: é todos estes lugares já nos são conhecidos. (;
[risos]

Beijos, lindeza.

Codinome Beija-Flor disse...

Tô atrasada com a leitura :(
Muito trabalho.
Bjos

Sombra do Sol disse...

Olá minha amiga, belas palavras, bom para refletir sobre o medo, acredito que todos nós temos ou já tivemos medo de algo. Temos que saber preparar a terra para a sementeira, quando decidimos quais sementes vamos lançar sobre esta terra, quando molhamos o jardim cujas flores ainda não nasceram, estamos preparando o futuro. Assim é com a vida. Precisamos semear o amor, a generosidade, a compreensão, se quisermos colher seus frutos. Tenha um fim de semana repleto de muito amor, saúde e paz. Abraços fraternos do amigo.

frodo disse...

Rsrsrs... Sim, o medo só é bom nos meus contos!... Prefiro não senti-lo. Bom FDS pra ti, Paulinha!
Beijos!

Grace Olsson disse...

o Wilson é um misterio. Bem merecido o prêmio.
Quanto ao resto do post nao vou comentar pois a internet é lenta e vim para te agradecer os votos de boa viagem e dizer que cheguei à África.
Beijocas minha belezura.

Edson Marques disse...

Paula,


Vim buscar o meu presente, e o levo docemente!

Mas meu melhor presente, anmtes do próprio, é ter sido lembrado.

E receber tuas visitas deliciosas!


Acabou o meu churrasco agora há pouco, que fiz só pra mim, e estou aqui, colhendo limões poéticos no teu pomar.

Abraços, flores, estrelas...

Ah, quanto a retirar as letrinhas, uma ótima idéia: blog com senhas é muito rigor...

MONICAVOX disse...

QUERIDA AMIGA,PASSEI PARA DAR UMA LIDA EM SEUS TEXTOS E AGRADECER OS VOTOS DA SEMANA,CONHECER SEU BLOG FOI MESMO UM PRESENTE!PASSE LÁ NO MEU BLOG PEGUE O AWARD E AS GIFTS QUE SÃO PRESENTE DE CORAÇÃO VIU?AMANHÃ FAERI U EDITORIAL SOBRE O CONCURSO E FAÇO QUESTÃO QUE LEIA TÁ?BJOKAS E UM LINDO FIM DE SEMANA!!WALK ON FOREVER,MONICAVOX