quinta-feira, 23 de maio de 2013



“Ela em geral se dava muitos bons conselhos (embora raramente os seguisse), e às vezes se ralhava tão severamente que os olhos ficavam cheios de lágrimas.”
Lewis Cazzol – Alice no País das Maravilhas.



Assim aconteceu. Se deu muitos conselhos e não se ouviu. Infringiu todas as regras que tinha estabelecido para si mesma. Não prestou atenção aos alertas que soava. Desaconselhou-se. Ouviu apenas a curiosidade, pensou que era Alice no País das Maravilhas e diferente de Alice machucou-se ao cair. Os olhos ficaram cheios de lágrimas.

3 comentários:

EDER RIBEIRO disse...

Paula, qdo não seguimos os conselhos dados pela nossa própria consciência, a queda e o sofrimento são fatos consumados. Bom finde. Bjos..

Paulo Francisco disse...

Melhor cair que ficar com a dúvida pra toda vida.
Um beijo

O Sibarita disse...

Ô foi assim? Xiiiii... kkkkkkk

Foi nada! kkkkkkkkkkkkkkk


Muito dez esse texto!

O Sibarita