quarta-feira, 10 de setembro de 2008

O encontro


Nos encontramos num momento de coragem tua
Chegou, trazendo poemas e músicas
Sorrisos e paz
 E sem controle, lágrimas banhavam meu rosto
Esperava você há tanto tempo
 Pedi pouco
Esperava só sua presença
Um abraço, um aconchego
Trouxesse muito
Se deu inteiro
Afoito, entregue, desejoso
Me assusto
Com paciência me levasse a passear
Estávamos juntos
Pude sentir a areia úmida da praia tocar meus pés
A lua a nos olhar
Com você a lua fala, sorri
Mas você queria mais
Com carinho, com jeitinho
Na areia já estávamos
Os corpos se enroscavam
 Consegui pela primeira vez
Ouvir as estrelas cantarem
Onde na praia estávamos
Ouvindo a sua voz
O seu sorriso
Vendo você daquele jeito
Me arrepie
i Apreciei
 Fiquei a suspirar
Gostei muito desse encontro....

28 comentários:

Glayce Santos disse...

"Pedi pouco
Esperava só sua presença
Um abraço"


...é, é o que queria muito nesse momento de uma pessoa!

Eita, coisas do coração...

Ok, vamos respirar fundo e nos deliciarmos com os post da Paula!

Ótima semana...

Beijos

Alisson da Hora disse...

pelo menos um poema de encontro...eu só encontro desencontros...

besos

Daniel disse...

Nada mais romântico que um encontro sob as estrelas... Lindo poema, parabéns! Bjus.

http://so-pensando.blogspot.com

Paulo R Diesel disse...

Mas que encontro em Paula.

layla disse...

o susto de um abraço, a necessidade do aconchego, a voz dos encontros...muito lindo...deu vontade de passear na areia da praia...que pena que aqui não tem praia...

beijos querida

Codinome Beija-Flor disse...

Acabei de assistir outro filme, deixei a dica lá no blog. Lembrei de vc.
Bjos

Maria Dias disse...

Um mágico encontro!
Quando esperamos pouco e recebemos mais, então é o resto é o resto!

Beijinho e um

Bom dia pra vc querida!

Cadinho RoCo disse...

Bom mesmo é gostar.
Cadinho RoCo

sergio ricardo disse...

Menina Paula... que poema fascinante... realmente registra um momento emocionante marcado de todo romantismo e o espaço geográfico, o mais apropriado possível. Abraço e bj querida amiga. òtima quinta

João da Silva disse...

Oi, Paula. Vim agradecer pelo seu gentil comentário lá no meu cantinho. Se você vem do blog da querida Nandinha, é muito bem vinda.
Adorei seu espacinho, vou voltar aqui também, tá?
Beijinhos, linda!

vimaguin disse...

...quão deliciosos são os momentos á beira mar...com quem amamos então...ai, ai...rsss...muito gostoso estar aqui te lendo...bjusss

Negâ disse...

Oh... quando falas de amor, as palavras emocionam.
"Se deu inteiro
Afoito
Entregue, desejoso
Me assusto
Com paciência me levasse a passear
Estávamos juntos"
Lindo pots, preciso encontrar alguém assim verdadeiro, que se entrega, por inteiro, se joguinhos...
Se viu a layla arrumou tudo pra mim, ainda está faznedo templates lindo para colocar, adorei conhecer você e ela, to feliz de mais.
Beijosssssss

Negâ disse...

Oh... quando falas de amor, as palavras emocionam.
"Se deu inteiro
Afoito
Entregue, desejoso
Me assusto
Com paciência me levasse a passear
Estávamos juntos"
Lindo pots, preciso encontrar alguém assim verdadeiro, que se entrega, por inteiro, se joguinhos...
Se viu a layla arrumou tudo pra mim, ainda está faznedo templates lindo para colocar, adorei conhecer você e ela, to feliz de mais.
Beijosssssss

Negâ disse...

Oh... quando falas de amor, as palavras emocionam.
"Se deu inteiro
Afoito
Entregue, desejoso
Me assusto
Com paciência me levasse a passear
Estávamos juntos"
Lindo pots, preciso encontrar alguém assim verdadeiro, que se entrega, por inteiro, se joguinhos...
Se viu a layla arrumou tudo pra mim, ainda está faznedo templates lindo para colocar, adorei conhecer você e ela, to feliz de mais.
Beijosssssss

Camila disse...

"Esperava só sua presença
Um abraço, um aconchego"
Esperei e ele não veio.
Queria de volta os arrepios q ele me proporcionava.
Beijo

Pena disse...

Maravilhosa Amiga Fascinante:
Que "coisa" linda escreveu.
Simplesmente, uma imensa ternura poética.
Magnífica. Fala de amor. Um sentimento tão nobre e digno quando encarado com nobreza e dignidade como o faz adoravelmente.
"...Consegui pela primeira vez
Ouvir as estrelas cantarem
Onde na praia estávamos
Ouvindo a sua voz
O seu sorriso
Vendo você daquele jeito
Me arrepiei
Apreciei
Fiquei a suspirar
Gostei muito desse encontro...."


Poema de uma sensibilidade intensa, incrível de beleza e, sobretudo, encanto.
Delicioso, lê-la. Faço-o com emoção e deslumbre, acredite?
Numa palavra: FANTÁSTICO!
Beijinhos amigos que a respeitam e estimam poderosamente
Admirado por tanta maravilha doce e terna existentes em si.

pena

É uma pessoa preciosa, amiga!

Everson Russo disse...

Sintonia né? olha nossa turminha de eterna inspiração, areia, praia, mar, estrelas, sorrisos, aquele jeitinho sempre unico de escrever e descrever, uma viagem que a gente sempre faz pra dentro de nós mesmos buscando o tão sonhado amor ideal, que ele venha com passos leves, cabelos molhados, sorriso estampado, perfume de eternidade...e menina, WELCOME TO BH CITY,,,rs,,,traga o mar, a areia, sua poesia, seu abraço...beijs carinhosos a ti minha poetisa do amor...uma linda tarde...

isasidney disse...

GARRAFA AO MAR

Publicar um livro é fácil. Divulgá-lo, o mais difícil. Peço a sua compreensão, ao lançar, no mar da Internet e no seu blog, a minha LUA QUEBRADA!

Um livro para mexer com sua libido. Um romance inesquecível, pela carga de amor, entrega, paixão e erotismo no encontro nada convencional entre um professor e sua aluna.

Publicação da Editora Biblioteca24x7, que comercializa obras pela Internet (edição on-line e impressa).

Buscar, na seção ERÓTICO (ÁREA, à esquerda), esta obra:

LUA QUEBRADA

Autor: Isaias Edson Sidney

ISBN: 978-85-61590-45-1

Só disponível pela Internet, no endereço abaixo:

http://www.biblioteca24x7.com.br

LUA QUEBRADA: PARA INCENDIAR SUA IMAGINAÇÃO!

http://luaquebrada24x7.blogspot.com/

Marcelo Martins disse...

O tipo de encontro que tantos sonham e esperam mas poucos de fato os vivenciam.
Esse seu poema me fez lembrar da música "Vieste" do Ivan Lins, conhece? =)

Beijinhos

elane rebello disse...

Q coisa Paula, vc e Everson, me deixaram feliz,tanto na sintonia dos belos poemas, qto nos comentários do meu blog, sao pessoas como vcs q fazem o mundo valer a pena, obrigada pela torcida, esse ano ta passando, ano q vem,tudo será mais fácil,e com o apoio de vcs entao...muita brisa de mar pra vc,de mar das Alagoas, minha terrinha q amo!!!
bjsss,e o selo é seu!!!

Zek disse...

ahhhhh esses encontros, que nos supreendem, deixam saudades, despertam vontades!!!
ahhh

Bom então eu sou um chato legal rsrsrs brincadeira, nao sou invasivo não, sou até timido, mas para tudo tenho opinião, critica ou sugestão... mas eu guardo para min se nimguem pedir!!!!! rsrsr

Beijos

Poeta Mauro Rocha disse...

O encontro marcado...


um abraço!!

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Paulinha, belíssimo poema, com carinho, desejo e paixão, vale a pena viver assim... Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Olhos de Mel disse...

Hum!... Minha amiga linda, que encontro, heim? Que Deus ilumine os caminhos de vocês!
Bom fim de semana! Beijos

Jardineiro de Plantão disse...

Romântica descrição do sentir.

Abraços

anderson eduardo disse...

Olá
Muito obrigado pela gentil visita... então acabei me contra-dizendo hein, nao foi o destino, foi uma escolha sua vim até aqui...kkkkkk.... Olha, adorei seu blog, voce escreve muito bem, voce deveria colocar as fotos do por do sol que falow para agente apreciar.... Olha, coloco o nome na foto pelo o photoshop, alias, é a unica coisa que sei fazer nele.... abração querida e adoro Recife, cidade muito linda, terra do maracatu e do saudoso chico science.... bom final de semana, e quando quiser vi=oltar fique a vontade, pois a casa é sua

vilminha disse...

E depois desse "encontro" que dizer de "mania" aí não falta nada, nada mesmo, nem mesmo ele. Não é mesmo paula? E aí tem tudo. Tu escreves muiiiitooooooooo. TÔ AQUI RENDENDO MINHA HOMENAGEM A ESTE ENCONTRO, AMEI-O. Beijos e ate breve.

O Sibarita disse...

Sua menina, foi mesmo, foi? Hum... kkkkk


Dona moça que poema sensível! Pô véia, demais mesmo, MOCIONA mesmo! kkkkkk

Belo poema mesmo, bem escrito!

bjs
O Sibarita