domingo, 24 de maio de 2009


Queria chorar todos os dias
 Até dissolver esse não
Esse não que virou vários nãos
 Não da incompreensão
Não da insensibilidade
Não da não expressão da emoção
 Queria chorar as nuvens de tristeza
Para no futuro não chorar granizo
 Gostaria de chorar
Todas as lágrimas
 Para não tornar salinas os canais lacrimais
 Nem tornar sal de pedra meu coração

17 comentários:

Ademerson Novais disse...

Belas palavras....de alguem que realmente sabe falar de sentimentos de emoçoes...chorar...quanto queria chorar tantas coisas..tamanhas tristezas e duvidas que ainda me assolam...parabens escrever como um belo conhecimento...


Ademerson Novais de Andrade

Gabi Magnani disse...

As vezes um não é fundamental para que percebamos que aquilo não valia a pena, e que o que precisamos mesmo é nos divertir e seguir em frente.

Sergio Ricardo Ferreira Junior disse...

Boa Noite Paula...vim retribuir a visita e dizer que gostei do teu blog...

volte sempre no meu blog...e conto com uma ajuda sua para anuncia-lo...


obrigado...fica com DEUS

Saara Senna disse...

Olá Paula!

Se é para se sentir melhor, chore, chore tudo...
Belo texto querida!

Beijos :)

Cris Vieira disse...

Lindo poema, muito mesmo.

Cleo disse...

É bom chorar, lavar a alma, tudo fica mais leve depois, você vai ver.
Beijos com carinho
Cleo

Avassaladora disse...

Paula, é o único consolo que nos resta... As lágrimas...

Essas podemos verter copiosamente...

Essas ninguém tira de nós...

Beijos e carinhos mil!!!


Boa semana pra vc!

Nanda Assis disse...

nossa paula!!!!!!
me arrepiei inteira!!!
vc é uma mulher que merece ser muito bem amada. uma poeta que nem vc, n pode ter um homem normal, tem que ter um mais que especial.

bjosss...

Nanda Assis disse...

poetiza kkk

Peter Pan disse...

Tem algo no "Cantinho Do Nunca".
OBRIGADO pela sua imensa significação.
Até sempre.
Beijinhos

pena

Ver-nos-emos sempre aqui e no Memórias Vivas e Reais.
É a última vez que comento como Peter Pan.

Dona Sra. Urtigão disse...

Chore bem e quando passar, viva bem tambem. Voce me pediu dicas de Minas...São tantos lugares alem das cidades históricas que são imperdíveis...Parques e Reservas Estaduais, Grutas, sítios arqueológicos, as pequenas cidades e suas gentes, as cidades focadas em ensino e suas gentes... Quanto tempo voce teria? ...É insuficiente. Sempre sobram coisas e lugares para depois...cachoeiras, caminhadas, sou fã, mineirei sem ser mineira e sem morar lá!
Abraço!
PS: Já convidei, quando quizer seguir um pouco pelas Geraes, roteiros alternativos, é só combinar.
Abraço!

Everson Russo disse...

Eu até que choro muito, sempre, me emociono com pouca coisa, sei la porque, sou eu..rs..rs...quanto a dissolver os nãos, já tomei tanto não nessa vida que eles não doem mais, alias, acho que hoje, tomo não e NAO percebo..rs..rs...a vida tem sido um não pra mim, mas espero que um dia passe, beijos carinhosos e uma linda semana de paz....

Xana disse...

poema cheio de sentimento. Chorar faz bem, lava a alma e leva alguma coisa má para fora de nós!

beijinhos e boa semana

Márcio Ahimsa disse...

...queria eu chorar beleza para não fazer feio sorriso gratuito, pois que a rosa clama em meu pranto os azuis que o vento levou. Queria soprar o sussurro para receber o esvoaçar dos cabelos que meus olhos brilham, para correr braços abertos e receber abraço. Queria ser laço para permanecer preso somente pela ternura que há em todas as flores, como ti.


Beijos, querida.

Ótima semana para ti.

Blue disse...

Oi Paula! Vou oferecer meus ombros para chorarmos juntos! Será que teríamos tantas lágrimas para quem sabe inundar os canais da Veneza brasileira?
Beijosss

Maria Dias disse...

Sim o choro dissolve,solta,deixa fluir...E fluido nos sentimos mais leves,menos tensos e prontos para recomeçar.Chorar faz bem!

Beijinhos

Maria

O Sibarita disse...

Chorar faz bem!

Incompreensões e insensibilidades sempre encontraremos...

Ao tudo, é levantar a cabeça e sequir...

bjs
O Sibarita