terça-feira, 11 de agosto de 2009

Me espanta essa loucura
 Sorrio
Fecho os olhos e deixo chegar
No pega e solta
No vibrar do que está por vir
O desejo
Não dito, expresso
O simbolismo
Da boca que anseia
Do corpo trêmulo
Do abraço envolvendo
As minhas mãos em tuas costas
 Percorrendo o corpo, a nuca, cada canto, o todo
O cheiro, o ar entrando
 O corpo se modificando
Lençóis de seda escorregadios, macios
Os cheiros que exalam
Os fluídos que embalam
 O corpo em arrepio
 Os sonhos sendo vividos
Ainda não, ainda não
Te espero, te aguardo
Se preciso vou
Me entrego
Quente, úmida
Desejosa
Apenas eu e você e nossas sonhos
 Para viver as fantasias
Tantas vezes mentalizadas
E ousadamente faladas
Vem, não demore
O tempo urge
O corpo em labaredas chama

19 comentários:

Dauri Batisti disse...

Estive aqui. Me surpreendi com o novo visual do blog. Parece outro. Tenho que me acostumar.

Beijo

Sol da meia noite disse...

Quentes são as palavras que deslizam por lugar de desejo...
Há uma ansiedade, muito bem descrita, nesta linda poesia.

Amiga, um abracinho
:-))))))

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA PAULA, MAGNÍFICO TEXTO... QUEM SABE... SABE E TU SABES TOCAR O MEU CORAÇÃO AMIGA... ABRAÇO-TE COM MUITO CARINHO E AMIZADE,
FERNANDINHA

Ademerson Novais disse...

Que convite num embalo rico de palavras...adorei me deliciar nestas linhas aqui...

Faz tem po que não passo por aqui...mais farei o possivel para sempre vir neste belos textos seus...


Ademerson Novais de Andrade

Vivian disse...

...quem resiste a um louco
chamar em vontades úmidas?

post sedutor, minha querida!

adoro

bj

Blue disse...

Uahhhhhhhhh.......... quente e úmida!
Deste jeito, posso continuar a divagar?
E que estas chamas, queimr em prazer por muito tempo...

Beijos.... lindo verso!

HSLO disse...

O tempo urge Paulinha...é isso mesmo.
Belo texto viu.


abraços

Hugo

mfc disse...

O desejo e o amor, quando juntos,.... pegam fogo!

Ava disse...

Paula, sintonia perfeita...rsrs

Nos duas a falar de corpos e seus desejos...
Esse sentir que extravasa... que aperta dentro do peito e sai em forma de palavras escorrentes de paixão...

Beijos! carinhos mil!

DE VEZ EM QDO VENHO AQUI disse...

amar é sentir, expressar...
lindo Paula, como tudo q escreves!!
ótima semana!!!bj

Pedro disse...

O tempo urge... E cada vez mais. E cadê as cores daqui? rs

Vanna disse...

A chama chama. Amei.
Bjs, lindos dias d sol e chuva, frio e calor.

•.¸¸.ஐBruneLLa França disse...

Ardente, provocante, lindo!
Eu só queria um ambiente de palavras simples e amor calmo, com a verdade às claras... Quem sabe um dia?

Beijos e borboleteios!

Everson Russo disse...

O desejo é como o vento, desliza pela pele, toca os cabelos, refresca a alma, é inquieto, ousado, persistente, arrepia, provoca frio e calor, é uma loucura .....lindo seu poema, cheio de nuances e curvas, cheio de perigosas esquinas....beijos carinhosos e um lindo dia pra ti..

Blue disse...

Sra Andarilha, que me espanta ao me chamar de Sr.! Assim me jogas lá pra casa dos 85!

Mas OK...Frutas fazem bem, tanto faz qual, frutas, sempre frutas! Caju é uma boa pedida... par os dias melhores, que certamentão estão por vir. Ao menos.... vamos acreditar, nãoé Sra. Paula!!! Que coisa... quanta formalidades...

Beijos

Everson Russo disse...

Uai menina, mas eu nao sumi nao, estive aqui no post passado, aquele que deu problema das letrinhas, e cá estou de novo...rs...rs...mas enfim, por aqui ta assim, com meu irmao tudo bem, ele ta agora é ansioso pra sair do hospital, quase um mes, nao ta aguentando mais, vamos ver né? recuperação é lenta mesmo, mas esperamos que ate o final de semana ele saia,,,se Deus quiser....beijos

Rafael Belo disse...

O corpo em labaredas chamas. todos o sentidos da chama .Caliente Paula. Gostei da dinâmica intensa beijos

Amarísio Araújo disse...

Paula,

Essa poesia deliciosamente sensual é um fogo vivo...labaredas em profusão.

Beijos.

Ava disse...

Paula, suas fotos enchem os olhos!

E seu cuidado ao postar, tudo com tantos detalhes...


Mui bom!



Beijos e carinhos!