quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Aguardando a sua volta


(Em 31/01/12 postei no blog, hoje senti vontade de colocar de novo.)




Você vai andar
Vai descobrir um mundo imenso
Muitas belezas, maravilhas, alguns descasos
Vai encontrar gente do bem, gente do mal, gente indiferente
Vai até me encontrar de vez em quando

Você vai andar
Vai descobrir muito de tudo
De tudo um pouco
Você vai encontar muitos olhares
Nem sei se vai perceber que eu lhe olhava diferente
Nem mais, nem menos
Apenas me emocionava em lhe olhar
Para você talvez nem importe
Para mim, uma outra forma de sentir

Estou aguardando você andar por este mundão
De novidades, de descobertas, de muita gente
E quando você voltar
Quero continuar a me emocionar

13 comentários:

sérgio figueiredo disse...

vai, esse alguém vai andar. mas agora mais alerta... no seu olhar, na descoberta.
vai andar e vai saber o quanto é importante... alguém o espera e se emociona quando o vê.
vai, vai sentir a força e o calor da Poesia, para ele... um dia...!!

bj...nho

EDER RIBEIRO disse...

as andancas, querida Paula, além de nos ensinar faz com q nos encontramos e saímos das mesmice.. Bjos.

Antonio Carlos disse...

Lindas poesias, amiga Paula
Eu fiz um blog com os meus escritos e algumas obras, visite
estou sem tempo, passando bem rapido por aqui
abraço

O Profeta disse...

Cinco letras…
Cinco pontas de cadente perdida na aurora
Na loucura de alguns instantes escrevo
Descalço vou adiante num ir longe, embora

Solto das mãos murmúrios sussurrantes
Do basalto explode um bando de pombos bravos, alguns negros
Há um livro branco apenas com a palavra ausência
Há uma carta de marear para um rumo de mil segredos

Flores de solidão crescem em pedaços de fria lava
Um espantalho saltou-me do bolso a remexer
Uma sombra desceu a janela e tocou-me
Cerrei olhos para sentir o que não queria ver

Luminoso fim de semana


Doce beijo

O Sibarita disse...

Fia! kkk Em sendo assim é um aprendizado, repare... kkkk

Que olhava ou olha, olha sim, aimôpai! kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Tô voltando... Se rete não, viu Fia? kkkkkkkk

O Sibarita

O Árabe disse...

Bom que vc recolocou, Paula; é ótimo! Boa semana.

O Árabe disse...

Bom que vc recolocou, Paula; é ótimo! Boa semana.

Benno disse...

A ida é o começo da volta. Quando te afastas, te aproximas. A saudade é só um hiato, uma espera, uma espécie de ansiedade. Beijos

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Há partidas que deixam saudades e há esperas que se guardam no coração até chegar o momento.
Sempre belo ler-te.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Blue disse...

Se pegadas em janeiro não deixei,
Mas apenas as marcas na areia olhei,
Foi por eu ter aguardado,
As pessoas do mal passar,
Para aqui novamente poder,
Encontrar pessoas do bem,
E através de um olhar diferente,
Tentar descobrir neste mundão,
Gente que vai e que volta,
Mas que ao deixar suas pegadas,
Sempre vão emocionar,
Aqueles que aqui haverão de passar!

Anônimo disse...

também estamos aguardando a sua volta,sabia?

Nanda Assis disse...

pássaros precisam mesmo de voar...

bjosss...

brisonmattos disse...

Vai até me encontrar de vez em quando