sexta-feira, 14 de junho de 2013



Quero um tocador de alma
Destes que sopram palavras ao vento
E o vento se encarrega da melodia

Quero um tocador de alma
Destes que brincam com as palavras
Como se fosse criança esperta

Quero um tocador de alma
Destes que fazem composição poética
E harmonizam de forma colorida os sentidos



8 comentários:

Ricardo/águia_livre disse...

Bonito... Gostei de ler

Fique feliz

Maria disse...

Se encontrares um tocador assim diz. Para eu ir buscar outro...
Adorei a ternura das palavras!

Beijo.

myra disse...

primeiro beijos e te quero tanto bem...si encontrar um tocador assim, pode me mandar?:)

eder ribeiro disse...

Querida Paula, esse tocador encontra em si, pois me sinto tocado qdo te leio. Bjos

Blue disse...

Um tocador é bom
quando toca muito mais
do que acordes d'alma
mesmo que muitas vezes
as rimas desafinadas saem!

Beijo




Angelikas Photographic Sketchbook disse...

Gosto da combinação de foto e poesia. beijos

Uma aprendiz disse...

Oi, Moça

Eu encontrei, não só um.... alguns.
Você é um deles. Tem o Sibarita, a Bandys e outros tantos que nos tocam com as palavras.
Parabéns!

beijos

O Sibarita disse...

Fia, um tocador de alma, pois, pois! kkkkkkkkkkkkk

Beleza, é tão bom ler seus poemas... hummmmmm! kkkkkkkk

O Sibarita