quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Não pense que lhe esqueci
Apenas estou recolhida
Dentro das vozes que gostaria de lhe falar
Escuto os rumores do meu carinho
E os assobios da minha admiração

Passo despercebida
Sentindo o pulsar dos meus sentidos
De você guardo os meus melhores dias
São relíquias de dias azuis
Belezas de pores do sol
Encantos de dias nascendo

Dos dias chuvosos
As lembranças são de tranquilidade
Dos momentos tristes
Guardo as alegrias das lembranças

Não lhe esqueci
Apenas silenciei as palavras
Que insistiam em conversar contigo

Passo despercebida
Desfilando alumbramentos coloridos
Em passarelas de seda

Não lhe esqueci
A natureza insisti em me fazer lembrar de você
O bem te vi continua a cantar
E o sol a nascer
A lua continua com as belezas das fases
E as estrelas pontilham o céu de brilhos

Passo despercebida
Levando comigo os sonhos das noites
Durante a vibração dos dias


9 comentários:

Tatiana Moreira disse...

E assim os dias passam... E as boas lembranças permanecem!
São elas (essas boas passagens da vida!) que nos fortalecem para continuar a caminhada!
Bom estar aqui Paula! Beijo

Paulo Francisco disse...

Ahhhhhhhhhhhh bommmmmmmmmmmmm!
Gostei.
Um beijo grande

Cidália Ferreira disse...

Muito BOm
Gostava e ficar assim ás vezes..."silenciada"
Boa tarde Paula Barros
Um beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Uma aprendiz disse...

Olá!
Saudades de passar por aqui.
Adorei seu poema que compartilha nossos sentimentos.
Quando a Paixão debanda de braços dados com um novo Futuro a Saudade se instala em nossos corações como posseira.
Com o passar dos dias passamos a tratá-la como hóspede até que ela vire uma amiga.
Aí os versos brotam enfeitando a vida.
No meu caso, continuo brigando pela reintegração de posse ou para que outra Paixão invada meu coração.
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

beijos

Evanir disse...

Mesmo , que esteja vendo a vida preto branco.
Olhe para o céu veja o inifito azul onde quem
tem fé no criador encontrara coragem e força para passar
pelas tribulações.
E a noite se emocione com a beleza da lua e do céu estrelado.
Em cada estrela vera um anjo zelando e olhando por você ..
enquanto a lua ilumina sua linda alma
veras como pode ser feliz na graça e na presença de Deus.
E muito carinho eu trouxe para você , que tanto amo.
Beijos na alma afagos no coração.
Evanir.
PS: fico triste em não poder informar
como anda minha vida;
Basta vc notar minha ausência creio ,
que já diz tudo.
Eu não ando nada bem .
Deus abençoe seu final de semana
paz e luz.

O Sibarita disse...

Se não esqueceu, o amor tá com tudo, na boca de espera... rsrsrsr

Oi moça, gostei do seu poema, e por que passar despercebida se o amor fala mais alto?

Ai se é com lá eu! rsrsrsrsrssrs Você jamais iria passar batida, despercebida...

Lá eu queria ter essa sorte de uma paixão assim no escondirijo, amor sigilo, amor de escrever na surdina e só lá ela e lá eu entendermos o que dizemos um ao outro através dos versos e neles todos os desejos contidos nos poros da paixão viceral, aimôpaidocéu! rsrsrsrsrsrsrssrsrsrsr

ZÉ LALADO

myra disse...

ainda bem que ficam as lembrancas, mesmo se muitas vezes, doem!
lindas palavras, minha querida Paula1

Ricardo- águialivre disse...

Bom dia

Lindissimo

Fique feliz

Carlos Augusto De Andrade disse...

Olá. Parabéns pela postagem e pela coragem de ter um blog. Administro um e sei o quanto é exaustivo, mas é recompensador quando colhemos frutos. Estou seguindo seu. Siga o meu http//:gauchaopina.blogspot.com, se puder. Não custa nada.
Estou buscando novos blogs para ler, e novos blogueiros para conhecer o meu. Escrevo uma série online, de mais de 200 textos, e posto muitas outras noticias. É como o nome já diz, Blog Planeta Curioso. Espero que goste de minha humilde página. Sua contribuição seguindo meu blog é muito importante. Enfim, gostei de sua página.
Até mais... Obrigado. Aguardarei um comentário seu.
De Carlos Augusto de Andrade.