sábado, 17 de outubro de 2009

Cachorros dessa última viagem. Essa série de fotos de cachorros foi inspirada no muso da fotografia. Não que ele seja um cachorro. Mas porque ele já fotografou alguns.
 Observação : fotografar cachorro não significa que eu os criaria.








Algumas vezes foi preciso conversar com eles para fazerem a pose. Entre risadas, carreiras, pedal da bicicleta que ralou a perna, sairam as fotos.

21 comentários:

Mai disse...

Cachorros são interessantes, né? Fazem pose. Fazem caras e olhares pidões quando querem 'abusar'...
Já tive alguns e eram malucos como eu. Um era doido por bola, um cocker, Porthus. O outro, um Lhasa - Bonsai esse tinha mania de enterrar coisas e o Porthus desenterrava. Já viu, né? Sobrava prá mim fazer as pazes...
Cachorros são 'safos' quando seus donos não cismam de humanizá-los com laços e sapatos...Ah! Tem uma 'princesa' ao lado que usa roupa da 'lillica ripilica'. Fashion, né?
Cachorros e seus donos exagerados.
Legal é quando assim, livres, estão sempre bem cuidados.

Beijos, amiga,
lembranças à Lara.

Pedro disse...

O que é esse cachorro dormindo na pedra? Vontade de apertar! rs

Vivian disse...

...o maior sinal de humildade
que observo e admiro,
está no comportamento
dos cachorros da praia.
aqueles que perambulam
sem rumo e sem dono.

adoro
são dóceis e amigos.

que lindo post, Paula!

beijo!

Francisco disse...

Cachorro nem precisa fazer pose. São fotogênicos ao natural!
Quando eu era criança, tinha um livro que adorava. Adivinha o nome! "O cãozinho alado" rsrsrs
Beijãozão, Paulica!

HSLO disse...

Amo cachorros...o meu faz pose a todo momento para fotos...rsrs. Tem uma foto dele em meu blog.


abraços

Hugo
Nosso-Cotidiano

MEMORIA DE ELEFANTE disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nanda Assis disse...

que massa!!!! adorei, mas n curto p criar tbm n.

bjosss...

Tatiana disse...

Aí está a prova de que "tudo vale a pena se alma não é pequena"... Você se divertiu e ainda nos presentiou com belas fotos!

Beijo carinhoso para você!

Tatiana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
caurosa disse...

Olá minha cara amiga Paula Barros, pois é, parace que valeu a pena o sacrifício e as carreiras, as imagens fotográficas ficaram lidas, parabéns pela competência.

Muita paz e inspiração,

Forte abraço

Caurosa

Fabiano Mayrink disse...

folgados os da primeira foto nao e mesmo?! rs, fico triste por tantos cachorros de rua... vejo e nao posso fazer nada pois nao posso trager todos pra casa...

abraços!

myra disse...

otimas, lindas, adoro cachorros!!! e um enorme beijo de domingo para minha querida paula,

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Paula, o muso Tossan irá gostar desta referencia...rsrs...
Gosto muito de cães também, adoro a fidelidade deles, aça sol ou faça chuva, a gente chega e eles fazem festa, abanam o rabo e sorriem para a gente com aquele olhar de inocência, olhar de labrador é assim...
Ainda bem que eles te entenderam e as poses ficaram ótimas...
Ótimo domingo para você...um abraço na alma...bjo

Chuvinha disse...

A gente vê todo dia um. Fazem parte da paisagem do cotidiano.

Everson Russo disse...

Me lembrou o impagavel Eduardo Dusek, troque seu cachorro por uma criança pobre...rs...rs.....beijos menina e uma linda semana pra ti....

Pena disse...

Brilhante Amiga Paulinha (Desculpe):
Ser fotografo (a) é uma profissão apaixonante.
Retratam-se vidas, sonhos, lugares paradisíacos e porque não cães...?
Simplesmente, interessantíssimo. Peculiar de encantar.
Estas fotos foram tiradas com mestria, perfeito bom gosto e extraordinário requinte apurado.
Mais um Post de sua autoria inédito pela pureza deslumbrante que é e significa para todos nós, atentos leitores e visitantes.
Bem-Haja!
A suas viagens deveriam ser deslumbrantes de beleza.
Beijinhos amigos.
Sempre a respeitá-la e a estimá-la...

pena

MUITO OBRIGADO pela sua simpatia e amizade por quem nutro imensa atenção.

Opuntia disse...

Fico impressionada com a inteligência e a dedicação dos cães para com os donos. E as diferentes personalidades caninas? Na minha família há dois: um, completamente agitado e encrenqueiro, rsrsrs; o outro, muitíssimo dócil. Cada um, a seu modo, nos traz alegria, especialmente para as crianças.

Bjos

Jardineiro de Plantão disse...

O cão quando acarinhado e tratado é uma companhia que nunca desilude.

Carlos

Fabiano Mayrink disse...

nossa Paula que coisa, as vezes infelismente é preciso cortar uma arvore, pois ela pode estar com fungo... ou algum outro problema, mais eles teem que replantar, aq em minha cidade eles estavam cortando algumas arvores, mais replantaram inumeras outras, vc poderia mandar um e-mail pra prefeitura o que acha?!

tossan® disse...

Eu também falo com eles o tempo todo e eles me entendem melhor o que quero dizer. beijo

Daniel Savio disse...

Mesmo assim ficou bonito...

Fique com Deus, menina Paula.
Um abraço.