sábado, 23 de julho de 2011




Dizem que quem procura acha. Achei o teu sorriso. Achei os teus olhos, a cor deles, o formato do teu rosto. Teus traços não negam a origem. Achei até o braço que você usa o relógio. Não cansei de procurar, não desisti. E agora como juntar a realidade com a imaginação, sem se desfazer o mito? Agora tenho você mais perto, tenho uma imagem emoldurada, um sorriso congelado, meu coração acelerado. Você com o tempo vai se tornando real. Vai saindo de dentro fantasia, tomando forma.

Para mim era tão simples te conhecer. Conversar, contar da minha admiração, do meu fascínio. Mas não foi possível, as pessoas nem sempre colaboram para realizar os sonhos dos outros, e foi assim comigo e você. Você não colaborou para realizar meu sonho, o de te conhecer. Então, pego o sonho e o multiplico, como quem trabalha uma massa grande de pão, deixo descansar para ele crescer,  e o subdivido em diversos outros sonhos.



5 comentários:

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Que bom que foi feliz na procura,Paula. Aproveite bem. Beijos

Memória de Elefante disse...

Paula!

Talvez tocaste como a luz de um farol.Raramente o outro tenha se julgado digno e no começo duvida.Encolheu-se, receia mexer-se, receia cair do penhasco , receia afogar-se irremediavelmente.
Talvez as lutas passadas,as perdas, alguma amargura, podem ter-lhe ensinado que abrir o flanco pode deixa entrar alguma alegria mas também decepção e dor.
Talvez ainda não era tempo...mas começa a chamar a voz de todas as possibilidades serenas e possíveis, quem sabe um despertar do sonho?

Um beijo e ótimo final de semana!

Maria Dias disse...

Pois é, as vezes temos sonhos lindos e aconchegantes mas aí puft!A gente acorda e o problema é justamente acordar do sonho...E a gente jura q nao vai mais sonhar quando q num descuido qualquer,numa curva da estrada, lá estamos nós outra vez sonhando, mas enquanto for sonho tá tudo bem o perigo é quando o sonho vira pesadelo...Entao para q nao chegue a virar pesadelo,mexa bem essa massa e transforme em maravilhosos sonhos com recheio de baunilha ou doce de leite.rs...

Beijocas

Maria

EDER RIBEIRO disse...

... e o recheio com o doce leite das minhas lágrimas. O sonho não passa de uma fração do que pode ser realizado. Bjos.

myra disse...

sonhar, sonhar, sempre mtas vezes os sonhos se realizam!!!
beijos, querida Paula