segunda-feira, 18 de julho de 2011

Surpreenda-me




Sempre, todos os dias, fico na espera de um sinal. Sou descendente de índios, gosto de olhar o céu, o movimento das nuvens, a lua, a posição das estrelas. Por fora, uma brasileira com a miscigenação disfarçada nos traços de uma cabocla. A alma, fica sempre acocorada olhando os sinais de fumaça, tentando decifrar onde queima a emoção. Surpreenda-me, todos os dias. Surpreenda-me, sempre. A cada surpresa me decifro em sinais. Desalinho as estrelas que brilham por mim. Meus olhos nublam, surpreenda-me, e sorrio chuvas.



15 comentários:

Gilmara Wolkartt disse...

Ei Paula!
Vc é intensa, tb quero ser surpreendida!
Gdbeijo

Memória de Elefante disse...

Nesta Luz, neste encanto,neste medo...livremente em ilhas de invenção e realidade tua alma decifrada cede enfim.

Belas palavras em comunhão com a foto!

Um beijo

Maria disse...

Apetece dizer-te "uma chuva de sorrisos" para ti....

Beijo, Paula.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Quem nos faz assim,
quem nos inspira assim,
quem nos surpreende assim,
inunda de cores
a nossa vida
a cada dia...

Que os sonhos te envolvam
a vida, sempre...

Maria Dias disse...

Bonito isso...Gostava de ser surpreendida...De ver os sinais de fumaça me chamando,já hoje, esses sinais me assustam um pouco...

Vivian disse...

...quem nos surprende é
você com esta alma poética
e linda!

bjbjbj

myra disse...

como diz a Vivian, voce é quem nos surprende, cada dia!
ja te disse né' qto amo o que e como escreve!!!!
beijos minha querida Paula

EDER RIBEIRO disse...

Posso dizer aqui que seus escritos não me surpreenda mais, não que ele sejam óbvios, longe disso, o sentimento que me provoca é de deslumbramento por sua prosa vir, sempre, acompanhada de poesia. Bjos.

Everson Russo disse...

E são tantos os sinais que o céu nos transmite, a lua calada em sua infinita beleza e lealdade,,,estrelas que brilham pra mergulhar num mar de sentimentos..nuvens bailarinas que nos fazem sonhar,,,inspiração de cada segundo...janela de sonhos...grande beijo de bom dia...

Paula Barros disse...

Toda vez que olho esta foto vejo um nariz na lua, igual feito quando eu era pequena que desenhava a lua assim de perfil.

Obrigada a vocês que fazem a diferença nos meus dias.

beijo no coração!

Guará Matos disse...

Se surpreender é ter a capacidade de sonhar.

BJ.

Sotnas disse...

Olá Paula, desejo que tudo esteja bem contigo!

Quando boas ou não, geralmente as surpresas me deixam sem palavras, me fazem retardar minhas reações. Assim eu evito sempre ser surpreendido, e quando acontece, me sinto estranho, pois sou geralmente movido pela criança que um dia imperou em mim, ou seja muito mais emoção! Admiro os que conseguem assimilar surpresas tão fácil como qualquer momento!
É uma bela imagem também postada por aqui. Boas e felizes surpresas pra você e que todos ao redor sejam também deveras felizes, abraços e até mais!

Paulo Francisco disse...

Lindo! Sorrir chuva.

¨A alma, fica sempre acocorada olhando os sinais de fumaça, tentando decifrar onde queima a emoção.¨ Lindo demais.
Eu também adoro seus textos.
Um beijo grande.

Armindo C. Alves disse...

Mas se você já é um sinal, uma força da natureza. Como pode surpreender-se alguém que tem o brilho da lua e o azul do Céu?
Não há sinais de fumaça, nem sons de tambor. A surpresa vem de si em forma de textos, no alinhar de estrelas, que brilham em cada palavra.

Para surpreende-la não vou desejar uma semana feliz, mas imensamente feliz.

Beijos.

OceanoAzul.Sonhos disse...

Tão bom lê-la.

Um grande abraço
oa.s